Analisando Cabelos Antigos

Eu sempre fui o tipo de pessoa que ama mudar a cor e o corte do cabelo. Sempre encarei como uma diversão, um acessório e nunca fui muito apegada sabe?

Acho que pelo fato do meu cabelo crescer muito rápido, sempre encarei essas mudanças de maneira natural.

Minha mãe também sempre foi assim com o cabelo dela, então acho que acabou sendo a minha referência capilar.

Resolvi buscar no fundo do baú algumas fotos para analisar, junto com vocês os meus cabelos antigos!!

Comecei a pintar o meu cabelo de vermelho lá em 2004. Sempre quis ser ruiva (amava a Geri das Spice Girls), e aos meus 16 anos minha mãe pintou meu cabelo de vermelho.

Na época eu usava coloração de farmácia mesmo, e usava a cor Cereja da Koleston. Eu amava esse cabelo e fiquei com essa cor até o começo da faculdade em 2006.

Meu sonho mesmo era ter o cabelo vermelho neon, igual ao da Mari Moon no auge do Fotolog.

Depois de muito insistir e levar referências ao cabeleireiro, minha mãe topou realizar essa mudança no meu cabelo. Foi a cor que mais deu trabalho na minha vida!

Descolori meu cabelo inteiro, ele ficou quase branco, e aí aplicado uma coloração vermelha. Ficou exatamente do jeito que eu sempre sonhei.

É claro que eu não teria novamente essa cor de cabelo, mas naquela época era o meu sonho e fiquei muito feliz quando conseguir ter.

Esse tom desbotava muito e eu não sabia como cuidar, afinal, depois de ter descolorido o cabelo inteiro eu precisava de cuidados redobrados, né?!

Nessa primeira foto meu cabelo está super desbotado e danificado. Resolvi parar e pintei de castanho escuro.

Uns meses depois fui lá e apliquei a mesma coloração que havia aplicado no cabelo descolorido, e o resultado foi o da foto anterior.

Amava esse vermelho sangue.

Em 2007 resolvi parar de pintar o cabelo e voltei a minha cor natural. Fiquei morena durante algum tempo e nessa época meu cabelo ficou mara!!

Ele era bem longo, com ondas no comprimento e bem encorpado. Amava!

Mas aquela vontade de pintar o cabelo sempre aparece, e eu resolvi que queria ser loira.

Eu queria ser loira de uma vez só, mas o Edu – meu cabeleireiro atual, disse que iria danificar demais e sugeriu que fizéssemos aos poucos.

Começamos com mechas mas não fiquei nem 2 meses com esse tom, porque não me acostumei. Tentei gostar mas não rolou…

Voltei para minha cor natural, mas dessa vez resolvi fazer uma franja…ai ai ai. Pra quê, né?! Hahaha!

Eu acho lindo, já insisti algumas vezes na franja mas em mim realmente não rola. Temos que errar algumas vezes pra ver que não dá, né?! Hahaha!

Ahhhh, mas aquela vontade de ser loira não vai embora com facilidade. Hahaha!

Dessa vez pedi para o Edu fazer um ombré bem leve, só para iluminar mesmo. Esse foi um dos cabelos que eu mais gostei de ter, e não me dava trabalho nenhum!!!

Com o tempo eu fui clareando ainda mais as pontas.

Resolvi cortar no estilo long bob, e ainda carregar bem nas mechas das pontas.

Eu gostei bastante desse cabelo, mas hoje usaria com o ombré menos marcado. Faria algo mais sutil, sabe?

10 anos depois, em 2014, voltei para o ruivo mas dessa vez para um tom mais natural.

O ruivo você vai ajustando com o tempo, vai conhecendo seu cabelo, conhecendo o tom que você gosta até chegar no que você acha ideal.

Sempre me perguntam a cor que eu passo, mas entendam: o que funciona pra mim pode ser diferente pra você.

Talvez para ter o mesmo tom que eu, você precise usar uma mistura diferente. Na dúvida? Escolha um bom cabeleireiro e confie no trabalho dele.

Também tenha paciência, pois as vezes não fica do jeito que você quer logo na primeira vez.

Quando voltei para o ruivo o Edu fez um tom mais fechado, e fomos abrindo até encontrar o que eu queria. Demorou um tempão!

Só que eu queria um ruivo super laranja, e fomos abrindo até chegar nesse tom. Olhando as fotos hoje é o ruivo que eu menos gosto, e não voltaria a tê-lo.

Além disso, meu cabelo nessa época estava super detonado e nada saudável. O maior problema dessa cor é que, além de não combinar comigo, desbotava MUITO fácil.

Em 15 dias eu estava loira, sabe?

Depois de muito tempo comecei a pedir pro Edu deixar o meu cabelo um pouco mais vermelho, e foi a melhor coisa!

Dessa forma a cor dura muito mais, eu consigo ter um intervalo maior entre os retoques e o meu cabelo voltou a ser saudável.

Esse corte eu fiz ano passado e gostei bastante. Quem sabe eu volte!! ;)

Olha como meu cabelo fica desbotado!!

Acho essa cor linda e eu demoro uns 35 dias para precisar retocar. Eu acabo retocando mais pela raiz, que fica enorme, do que pela cor em si.

Essa foto foi logo após o último retoque!!

Estou deixando o meu cabelo crescer, quero que ele fique super longo como era em 2007. Vamos ver se eu vou aguentar, né?! Hahaha

Gostaram das minhas mudanças capilares?!!?

Beijosss

, , , ,
5

5 Dicas para Uma Escova TOP em Casa

Fui por muitos anos fã incondicional da chapinha, amava aquele visual super liso e sem acabamento nas pontas, mas….peguei o jeito de fazer escova e nunca quis outra coisa!

Hoje em dia não consigo deixar de fazer uma escovinha básica, pois acho que o acabamento fica muito mais bonito e o cabelo fica com um brilho maravilhoso.

Recebo muitos elogios a respeito do meu cabelo e sempre fico muito feliz, pois dá trabalho cuidar viu?! <3

Depois de um longo período fazendo escova fui me interessando mais pelo assunto, por isso resolvi fazer esse post recheado de dicas para quem está começando.

1) Lavar Bem e Hidratar!

O processo da escova começa no banho! Tem que lavar direitinho o cabelo, mas pra mim o que mais faz diferença é hidratar.

Como faço coloração, e ainda uso MUITO o secador, meu cabelo sempre pede um cuidado maior.

Quando hidrato direitinho sinto que a escova desliza com mais facilidade, e o toque fica sensacional, isso sem falar no brilho do cabelo, né?!

Eu vario muito os produtos que eu uso, troco a cada lavagem, e nesse post eu conto tudo o que tenho usado no meu cabelo!!

2) Um bom secador!

Dá para fazer escova com um secador mais ou menos? Dá sim, mas o resultado final será bem diferente e você vai demorar muito mais tempo!

Um bom secador é essencial assim como uma boa escova.

Usei durante muitos anos esse secador da Parlux, ele era ótimo mas infelizmente queimou e eu ainda não levei na assistência técnica.

Desde então tenho usado o Aura Titanium da Gama.Italy, ele é muito bom e até mais potente que o da Parlux, mas tem um defeito: é meio pesado!

Com o tempo você acostuma, mas nas primeiras vezes senti muito o peso dele.

3) Não comece a escova com o cabelo molhado!

Essa dica pra mim é item obrigatório.

Não dá para começar a escova com o cabelo super molhado, você pode danificar os fios, ficar com frizz e ainda demorar o dobro do tempo.

Eu como tenho muito cabelo, gosto de começar a escova com o cabelo úmido querendo ficar seco. Assim gasto menos tempo e ainda não danifico tanto os fios!

4)Invista em um protetor térmico bafo!

Não dá para fazer escova (chapinha ou baby liss) sem proteger os fios do calor. É item obrigatório mesmo!!

Já usei muitas marcas, mas eu sempre priorizo produtos que prometem: secagem rápida, controle de frizz, controle de volume e controle de umidade.

A minha linha favorita é a Advanced Hairstyle da L’Oréal, é uma linha super completa mas que infelizmente só é vendida nos EUA.

Gosto de todos os produtos dessa linha, mas o meu favorito para escova é o Blow Dry It. Recomendo demais!!

Se você quer um cabelo com volume ou sem, essa é a hora para você escolher qual produto vai garantir isso.

5) Spray de Brilho ou Óleo Finalizador!

Eu não consigo terminar nenhuma escova sem aplicar um pouco de óleo finalizador nos fios. Se não aplico parece que está faltando algo, sabe?!

Eu gosto muito do famoso Moroccanoil, mas também adoro Óleo Extraordinário da L’Oréal, o Sérum da linha Anti Frizz Match de O Boticário, e também o Spray Gloss da Keune.

Aplico e depois jogo um jato de ar frio para finalizar. É sucesso!

São dicas simples mas que fazem muita diferença na hora que eu escovo meu cabelo. Testem e depois me contem!! ;)

Beijos

, , ,
2

O Magic Retouch da L’Oréal chegou ao Brasil!!

Se tem um produto que eu sempre namorava nas minhas viagens aos EUA era o Magic Retouch da L’Oréal. 

Se você não sabe do que se trata eu te explico: ele é um spray que colore a raiz dos cabelos, retocando provisoriamente os fios brancos, e também a raiz que já cresceu, no caso de quem colore os fios como eu!

Amo quando o meu cabelo fica desbotado, mas o que me mata mesmo é a raiz aparecendo. Sério…só que colore os cabelos sabe do estou falando! Hahaha…

Nos EUA a linha é bem completa e inclusive existe um tom voltado para ruivas, mas aqui no Brasil por enquanto temos 5 tons disponíveis!

Minha sogra acabou comprando na viagem, vi ela usando e achei sensacional, pois fica bem natural, como se fosse um shampoo a seco e a aplicação é muito fácil.

Segundo a marca:

“Sua aplicação em spray é precisa, rápida e prática; perfeita para aquela semana que não deu para ir ao cabeleireiro retocar a coloração.

L’Oréal Paris Magic Retouch tem secagem rápida e sai facilmente com o simples uso de shampoo. Ele também não escorre e nem mancha. Sua fórmula se adapta à cor dos fios. 3, 2, 1 Adeus raízes!”

Achei muito legal a novidade e estou torcendo para que venha a gama completa de cores.

Já está a venda aqui no Brasil e o preço é R$34,90 e está disponível na Beleza na Web.

E aí…o que acharam dessa novidade?!

Beijos

Os Produtos Que Tenho Usado no Cabelo

Como eu estou sempre fazendo coloração no meu cabelo, usar produtos para recuperar e manter a cor é algo que faz parte da minha rotina há muitos anos.

Além de colorir todo mês o meu cabelo, eu uso muito secador e consequentemente o estrago acaba sendo um pouquinho maior né? Por mais que eu use protetor térmico, o cabelo acaba sofrendo mesmo!

Sempre falo dos produtos que mais tenho usado no vídeo de favoritos, mas resolvi juntas em um vídeo específico as 3 linhas que eu tenho variado no meu cabelo.

Comecei falando da linha Moroccanoil, que é a minha queridinha da vida, pois recupera demais o cabelo. Não são produtos baratos, mas eles rendem muito e super deram certo no meu cabelo.

Minha máscara (de 500ml) eu uso desde Janeiro e ela ainda está pela metade, então com certeza é um produto que vale a pena.

Outra linha que eu tenho gostado muito é a Redken Color Extend Magnetics, mas essa tem uma resenha super completa aqui no blog.

Por último citei alguns produtos da linha Keune Care Color Brillianz, que ganhei do pessoal da Época Cosméticos e tenho gostado, pois é uma linha que promete recuperar os fios de todas as colorações. Mara, né?!

O vídeo está super completo!! <3 <3

Lembrando que quem comprar na Época e usar o cupom CLAUDINHA ganha 18% OFF no site e 10% OFF em dermocosméticos!!!

“O desconto não acumula com itens já em promoção, das linhas Nutrifier de L’Oréal Professionnel, Mega Mask de Redken ou as marcas Dior, Ralph Lauren, Yves Saint Laurent, Lancôme, Giorgio Armani, Viktor & Rolf, Montblanc, Burberry, Jimmy Choo, Bvlgari, Coach, Paco Rabanne, Carolina Herrera, Mugler, Nina Ricci, Jean Paul Gaultier, Valentino, Prada, Dolce&Gabbana, Van Cleef, Marc Jacobs, Tommy Hilfiger, Versace, Hugo Boss, Calvin Klein, Gucci, Issey Miyake, DKNY, Moschino, Salvatore Ferragamo, Alaïa, Chloé, Elie Saab, Narciso Rodriguez, Clarins, Azzaro”

Beijos