#ClaudinhaNoChile: Passagens, Hotel, Dinheiro, Roteiro e Dicas!

Quem me acompanha nas redes sociais, sabe que passei 7 dias em Santiago no Chile.

Fiquei apaixonada pela cidade, a viagem superou as minhas expectativas e por isso vou fazer uma série de posts a respeito disso.

Filmei vários momentos e a minha ideia é liberar esses vídeos junto com os posts sobre a viagem. Os vídeos são no estilo “vlog” e podem fugir um pouco do assunto dos posts, mas acho legal compartilhar esse dia a dia com vocês.

“Quero deixar claro que a opinião sobre a viagem é totalmente de acordo com os meus gostos. Viajei com o meu namorado, nós gostamos bastante de sair a noite para bar e etc.

Na hora de pesquisar um “Guia de Viagem” eu recomendo que seja alguém com gostos parecidos com o seu, assim fica mais fácil de gostar das indicações!”

vlogchile-1

Porque Santiago – Chile?!

Eu nunca tive muito interesse em visitar o Chile, mas dois casais de amigos já foram a Santiago e amaram a cidade. Dei uma pesquisada e acabei gostando muito do que li.

Outro ponto positivo é que é um país que não precisa de visto, e os preços dos serviços são parecidos com os do Brasil.

A proximidade com a língua também ajuda muito.

A compra das passagens:

Eu acompanho diariamente o blog de viagens “Melhores Destinos”, e para quem procura promoções de passagens é o melhor.

Todos os dias eles postam promoções de passagens aéreas para o mundo todo. eu fico maluca com os preços e louca para viajar.

Já estava planejando essa viagem, aproveitei que o Caio iria tirar férias, e por isso comecei a monitorar os preços das passagens. No meio do ano passado a Tam fez uma promo e eu comprei ida/volta de Santiago por R$650 + taxas.

Pelo que pesquisei esse era um dos melhores preços. Comprei diretamente pelo site da companhia e não tive problemas.

A escolha do hotel:
Todos os guias de Santiago que li diziam para não se hospedar no centro da cidade, e sim nos bairros Providência e Bella Vista por serem mais movimentados.

Procurei vários hoteis pela região, mas para a data que eu queria já estavam esgotados e acabei optando por alugar um flat.

Fiz a reserva pelo Booking.com e não tive problemas. O legal é que você pode ver a opiniao de quem já se hospedou no local, e ver se é realmente isso que você quer.

Além disso, não precisa pagar pela reserva nem pelo cancelamento. O pagamento é feito somente no hotel, e não pelo site.

Existem diversos flats na região de Providencia e Bella Vista, e os preços são parecidos com os do centro, por isso escolhi ficar em um bairro de fácil acesso e com lojas/mercado/shopping perto.

Foi uma ótima experiência pois o apartamento que ficamos tinha uma estrutura muito bacana.

O Flat:

vlogchile-2

vlogchile-3

Ficamos hospedados no City Inn, localizado na Av. Providencia n.2170.

Ele fica ao lado do metrô Los Leones, em uma avenida bem movimentada e cheia de lojas.

Adorei pois fizemos todos os passeios de metrô, o que ajuda a economizar uma grana, e andamos pouco de táxi.

Além disso, essa avenida conta com vários restaurantes. O City Inn fica bem perto do Costanera Center (10min a pé), que é um shopping ótimo e com um mercado (Jumbo) muito bom.

No apartamento que ficamos tinha geladeira, fogão, forno, microondas, ferro de passar roupa e vários utensílios de cozinha.

Foi bom pois compramos água, frutas e outras coisas para comer durante a viagem.

O apartamento é novo, arrumado, com sala e uma varanda bem grande. Eu gostei muito!

Paguei U$700 (o pagamento é feito em dólares ou peso chileno), por 7 diárias. O pagamento é feito no momento do check in.

Também fechei com a equipe do City Inn o tranfer até o hotel, e paguei U$35.

No geral eu gostei bastante, mesmo sendo um pouco caro, achei que valeu a pena. O prédio tem piscina e academia mas nós não chegamos a usar.

O flat tem internet grátis e a conexão era ótima!! :)

Vale lembrar que o City Inn é um flat e não um hotel, ou seja, não inclui nenhuma refeição. Fiz um vídeo mostrando o apartamento, e no próximo episódio da série #ClaudinhaNoChile eu mostro pra vocês! ;)

Dinheiro:

A moeda do Chile é o Peso Chileno e no primeiro olhar assusta tantos zeros que vemos nos preços.

Para a conversão eu recomendo o aplicativo Conversor de Moedas (é para iPhone, não sei se tem para Android). Não considerei 100% o valor no aplicativo pois ele não mostra qual a taxa de câmbio, e o valor que você paga na casa de câmbio é sempre maior.

Vale a pena para ter uma ideia do valor. Outra dica que li é que se o valor do real for próximo a 200 pesos, é só multiplicar por 5 e cortar os zeros.

Eu levei dinheiro em espécie e fui trocando aos poucos de acordo com a necessidade. Não troque tudo de uma vez pois o câmbio muda bastante todos os dias.

Não troque o dinheiro no aeroporto, espere para trocar diretamente na cidade. Eu troquei um pouco no shopping (com uma taxa péssima) o suficiente para pegar metrô e comprar coisas básicas, e o resto troquei no centro da cidade.

Na Rua Augustinas (altura do número 1036) existem várias casas de câmbio, é só ver qual a melhor cotação e trocar.

Também levei cartão de crédito mas quase não usei.

Não levei cartão de débito pois o IOF está o mesmo do cartão de crédito (6,38%), e eu optei por levar em espécie.

A quantidade de dinheiro que cada um deve levar é totalmente pessoal. Tudo depende do seu estilo, onde pretende ir e o que pretende comprar.

Eu e o Caio gostamos muito de ir em bares por exemplo, então gastamos mais do que um casal que não bebe.

Calcule de acordo com o seu estilo, e leve um cartão de crédito para uma emergência! :)

vlogchile-4

Roteiro:

Nós não planejamos nenhum roteiro para essa viagem, fomos procurando o que fazer de acordo com a nossa vontade.

Eu tinha na minha “listinha” restaurantes e lojas que eu queria vistar, como ficamos 7 dias deu para fazer tudo com calma.

Se você vai viajar em grupo eu recomendo fazer um roteiro antes, assim fica mais fácil e ninguém se chateia.

Viajar em grupo é super legal, mas cada um acaba tendo um interesse diferente, por isso recomendo o roteiro. Assim todo mundo curte a viagem junto.

Gostaram das dicas?! Procurei detalhar bem essa parte “burocrática” pois foram informações que eu encontrei bem espaçadas na internet, e acho que dessa forma facilita para quem está com vontade de visitar Santiago.

Nos próximos posts vou falar sobre os pontos turísticos, lojas, restaurantes e bares que conheci.

Fiquem de olho!

A Hot Trip do Rio Quente Resorts!

Eu não ia fazer um post falando exclusivamente do Rio Quente Resorts, mas como recebi muitos comentários pelo Instagram (@ClaudinhaStoco) resolvi contar um pouco a minha experiência aqui no blog.

Na última quinta-feira fui para o Rio Quente Resorts a convite da assessoria deles para conhecer a Hot Trip, que é uma viagem de formatura para alunos do 9º ano e/ou 3º ano do ensino médio.

O Caio, a G Flores e o marido dela também foram! <3

rioquente-claudinhastoco-1

O resort fica em Rio Quente (jura? hahaha), e para chegar lá nós descemos no aeroporto de Caldas Novas!

Assim que chegamos ganhamos uma pulseirinha da Hot Trip, assim poderíamos participar de todas as atividades do programa. Não fizemos tudo 100% pois as atividades dos alunos são intensas, são várias festas e campeonatos ao longo desses 4 dias!

rioquente-claudinhastoco-2

O resort conta com diversas piscinas, todas elas com água quentinha e natural do rio! Muito louco, né!?

A primeira foto é a piscina do hotel Turismo, onde ficamos hospedados nesses 4 dias. Além desse hotel tem vários outros dentro do complexo!

Já na segunda foto é a Praia do Cerrado, que fica dentro do Hot Park. Nessa área as piscinas são com ondas e tem areia pra tudo que é lado, bem praia mesmo!

Eu queria muito ter gravado um vlog pra vocês, mas passamos boa parte do tempo no Hot Park e ficava impossível filmar algo, pois você não pode levar nada nos brinquedos.

rioquente-claudinhastoco-7

rioquente-claudinhastoco-8

rioquente-claudinhastoco-9

rioquente-claudinhastoco-10

Já estou com saudades do Hot Park! #mimimi

Nós fomos em todos os brinquedos e nos divertimos bastante. Eu adoro esses tipos de brinquedos e aproveitei ao máximo cada um!

O único que não curti foi o Xpirado (o primeiro da foto), pois ele é muito alto (tem 32 metros de altura!!) e a velocidade que você desce no toboágua é surreal. A parte boa é que rimos disso durante todos os dias da viagem.

Também amei os toboáguas com tapetes e boias, são bem divertidos. Outro que dá bastante medo é o Hot Pipe (penúltima foto)! Olhando assim parece ser super tranquilo, mas ele é bem alto e a impressão que dá é que a boia vai descolar do brinquedo. Esse é mais legal, pois a boia é para duas pessoas!

Esse último brinquedo é bem simples, porém super divertido. Você só escorrega com a boia e cai na piscina, imagina se não inventamos mil maneiras de descer!? hahaha!

Além desses brinquedos ainda tem a parte tirolesa, mergulho, arvorismo, rapel, escalada, eco pesca e etc. Todos esses são pagos separadamente!

rioquente-claudinhastoco-5

O final do dia era sempre mais relax, afinal ficávamos no Hot Park das 10h até as 17h!!!! Entenderam porque não rolaram fotos por lá!? ;)

Uma dica para quem está com viagem marcada pra lá é caprichar no protetor solar. O sol é muito forte por isso é indispensável um protetor resistente a água!!

O Hot Park é uma atração a parte do resort, e não precisa se hospedar lá para conhecer. No site tem os valores certinhos da entrada e mais infos!

rioquente-claudinhastoco-11

rioquente-claudinhastoco-11

Toda noite tinha alguma festa!

Como era voltada para os adolescentes nós apenas fomos conhecer e depois partíamos para o Parque das Fontes.

O Parque das Fontes conta com 8 piscinas todas de água natural, tanto que o chão é do rio mesmo. Essa da foto acima é a minha favorita pois não tem tantas pedras e a água é a mais quentinha. Uma delícia!

Essa fica aberta 24horas! Como a água é bem mais quente que no parque, íamos somente a noite. O legal é que todas tem um barzinho dentro, você pode tomar drinks e comer porções sem se preocupar!

É tão engraçado se preparar para água gelada e depois sentir que é quente!! A noite dá para ver até  fumacinha saindo!!!

rioquente-claudinhastoco-3

rioquente-claudinhastoco-4

É impossível não se apaixonar pelas paisagens desse lugar!!!

O complexo é enorme, e tem um transfer que te leva de um lado para o outro, mas fizemos tudo a pé mesmo. É grande demais, nos perdemos diversas vezes, mas foi ótimo, pois assim conseguimos conhecer tudo!

rioquente-claudinhastoco-6

No último dia fomos conhecer o Hotel Cristal, que é o mais chique de todos. Ele fica mais afastado das outras atividades do resort, por isso o acesso é somente com ônibus que passa a cada 30 minutos em cada hotel!

Nesse hotel a piscina é aquela com borda infinita, e de fundo ainda tem uma paisagem maravilhosa!!!

Dentro de todo o complexo ainda tem várias opções de alimentação como pizzaria, lanchonete, quiosque brahma e etc. Todos pagos separadamente!

Só de escrever esse post já bateu saudades dessa mini-férias que tirei, viu?!!? Queria ter compartilhado mais coisas e filmado os brinquedos, mas não tem como ficar com o celular na mão o tempo todo.

O bom é que é o tipo de viagem que você fica offline mesmo!!  No site do resort tem todas as informações de valores e etc, para acessar clique aqui.

Muito obrigada Rio Quente Resorts pelo convite, amei passar esses 4 dias com vocês.

Bjsss